IBERBONSAI.pt ::
Contactos
Qtd:
0
Total:
€ 0,00
0
Carrinho de Compras

 

 

 

Home

PESQUISA AVANÇADA
Bonsai Ligustrum Sinensis

Bonsai Ligustrum Sinensis 


 

O bonsai ligustrum sinensis é um bonsai de dupla localização, mas é mais fácil manter um bonito exemplar no exterior.

Particularidade: o ligustrum pertence à família das oliveiras.

 

Características do bonsai ligustrum sinensis e outras variedades de ligustrum. 

Folhas ovaladas e opostas com aspecto mais ou menos brilhante conforme a espécie ou variedade. Pequenos cachos de flores brancas perfumadas, que aparecem nas pontas dos brotos no verão, seguido de pequenos frutos pretos, por vezes tóxicos. 

Nota: quando cultivado em bonsai o ligustrum dificilmente terá flores, pois causa das constantes podas dos ramos para manter a forma e por esse motivo não chega a formar botões de flores.

A seguir enumeramos alguns exemplos de ligustrum, alguns cultivados em bonsais :

 

Ligustrum ibota : 

Arbusto com forma achatada, folhas semi-perenes sempre escuras.

Floração abundante, muito decorativa em panículas brancas perfumadas. Frutos azul-preto.

Crescimento rápido.

 

Ligustrum lucidum: Arbusto perene com formato cônico. Folhagem verde brilhante.

Em setembro / outubro, longas panículas de flores brancas seguidas de frutos pretos e azuis oblongos.

 

Ligustrum Quihoui : semi-perene e de crescimento rápido. Esplêndida floração branca perfumada.

 

Ligustrum Japonicum : folha perenne verde brilhante, muito escuro. Flores brancas e frutos pretos alongados. Melífero.

 Ligustrum japonicum rotundifolium, compacto, de folhas ovaladas, de 3 a 6 cm de comprimento, de cor verde escuro brilhante. Utilizado em bonsai.

 

Ligustrum Sinensis: muito  ramificado e semi-perene. Flores brancas em panículas terminais. Frutos preto-púrpura. O mais utilizado em bonsai.

 

Ligustrum Vulgaris : folha caduca ou semi-caduca. Flores brancas perfumadas. Frutos pretos. Também utilizado em bonsai.

 

O ligustrum sinensis multiplica-se principalmente por sementeira e estaca.

.

Multiplicação por sementeira:

um grama de sementes contem mais ou menos 50 sementes. Taxa de sucesso média de 40 a  60 % com boas condições.

Temos duas possibilidades para realizar a sementeira:

A/ sementeira directa na terra quando a temperatura da noite esteja próxima de 10 ° C  e de        dia de 18 °C.

 B/ estratificação a frio durante 2 meses e sementeira na primavera.

 

Multiplicação por estaca semi lenhosa,  é a estaca de mais fácil elaboração e a mais habitual no mundo hortícola e no bonsai ligustrum sinensis também, aplica-se a muitas espécies perenes e coníferas. Recolha das estacas no final do verão a início do outono com madeira já amadurecida.

 

 

 

Cultivo do bonsai ligustrum sinensis:

O cultivo do bonsai ligustrum sinensis é muito fácil, è um bonsai de crescimento relativamente rápido e suporta muito bem as podas mesmo fortes. Como já vimos é um bonsai de dupla localização, mais fácil se for num ambiente exterior. Aguenta até 3º C negativo, com temperatura mais baixas é recomendado proteger o torrão e a base do tronco com palha ou turfa. No verão convém proteger do sol directo com uma rede de sombra pelo menos durante as horas mais quentes.

 

Rega:

O bonsai ligustrum sinensis é ávido de água, não convém deixar secar durante muito tempo entre cada rega e a rega deve ser generosa.

 

Aramação:

Pode-se aramar o bonsai ligustrum sinensis em qualquer momento do ano, sendo o fim da primavera e início do verão o mais indicado.

 

Transplante:

O transplante do bonsai ligustrum sinensis tem como finalidade a renovação do substrato que ficou mais fraco, o corte de raízes muito compridas para provocar a ramificação de raízes mais finas junto ao tronco e também dar mais espaço ao torrão.

Recomenda-se fazer o transplante quase a cada ano porque as raízes do bonsai ligustrum  desenvolvem-se com muita força. Utilizamos Akadama Hard Quality como substrato.

Akadama hard quality é o substrato ideal para o cultivo do bonsai. É uma argila japonesa de origem vulcânica, composta por grãos reconstituídos e sem nutrientes. Primeiro a argila é esmagada, cozida e após tratamento e secagem, tem uma estrutura homogênea.

Um bom substrato é aquele que absorve a água por capilaridade (como uma pedra de açúcar) e que consegue retê-la sem por isso ficar empapado, libertando o excesso que podia provocar a asfixia das raízes.

Ao regar, o bom substrato deve apenas reter a quantidade de água que o grão pode absorver, deixando evacuar o resto pelos furos do vaso.

Também não pode perder qualidade ao fim de poucos meses, ficando empapado ou reduzido a pó. Deve estar são e limpo, não conter nenhum resíduo nem micróbios ou bactérias.

Um bom substrato não deve ser nutritivo, quer isso dizer que não pode conter nutrientes, assim será mais fácil controlar a adubação.

É por isso que aconselhamos sempre a utilização de akadama hard quality, é a terra ideal para o bonsai. Com PH neutro de 6,5 a 6,9. É insubstituível.

 

Poda:

A poda de manutenção do bonsai ligustrum sinensis pode ser feita ao longo de todo o ano, mas a poda de estruturação somente no fim do inverno início da primavera.

 

A poda de estruturação do bonsai ligustrum sinensis permite manter a árvore compacta e definida.

 

Cortamos os ramos pequenos e pequenas ramificações com uma tesoura fina ou grossa. Para podar os  ramos maiores, utilizamos uma podadora côncava a fim de obter uma cicatrização o mais discreto possível.

 

O alicate ou podadora de ponta esférica proporciona um corte côncavo e limpo que acelera o processo de cicatrização do bonsai.       

Para realizar um bom trabalho devemos utilizar a ferramenta para bonsai apropriada :

Saiba mais sobre a ferramenta para bonsai

Adubação:

A fertilização é um factor primordial no sucesso dos bonsais.

Como qualquer planta natural o bonsai alimenta-se pelas raízes e pelas folhas que absorvem a luz necessária à fotossíntese, o CO2 da atmosfera e a água, os três elementos principais factores do crescimento.

Mas isso não é suficiente, para viver o bonsai necessita de muito minerais suplementares, em mais ou menos quantidade, para satisfazer as suas funções básicas. As Raízes são por consequente o motor da alimentação do bonsai e vão buscar no solo as substâncias que necessitam, a saber a água os sais minerais e os micronutrientes.

E como sempre não devemos exagerar, os elementos principais devem respeitar o equilíbrio. Pode ver nas nossas dicas o efeito de desequilíbrio de um qualquer dos elementos. Leia mais sobre a fertilização do bonsai.

 

Estilos de bonsai:

Estilos mais frequentemente encontrados para o ligustrum sinensis :

Hokidashi: estilo de Bonsai em forma de vassoura. Os galhos seguem em todas as direções formando e  abrindo-se como um leque.

Moyogi: ereto informal. O tronco apresenta várias curvas que começam na base e diminuem até ao seu ápice.

 

 Mais estilos de bonsai no nosso glossário.

 

 

Termos e Condições
A iberbonsai
Dicas e Conselhos
Catálogo
Siga-nos

Todos os valores incluem IVA à taxa em vigor

Copyright © IBERBONSAI.pt 2021

Desenvolvido por Optimeios

UA-144250790-1 UA-144250790-1