IBERBONSAI.pt

::
Contactos
Qtd:
0
Total:
€ 0,00
0
Carrinho de Compras

 

 

 

Home

PESQUISA AVANÇADA
iberbonsai-sakura-cerejeira-japonesa-


 

 

sakura - cerejeira japonesa


 

Sakura é a palavra japonesa que corresponde à cerejeira do japão e as suas flores, cujo simbolismo é a sua beleza efémera.

 

A sakura - cerejeira japonesa - representa para o povo japonês,

a fragilidade assim como a fugacidade da vida, cada pessoa tenta apreciar cada momento da vida.

A sakura é um amuleto de boa sorte e é também um emblema de amor, afeição e representa a primavera. 

 

Existem numerosas variedades de cerejeira do japão, fala-se em mais de quinhentas, as tonalidade das flores podem variar do branco puro até um rosa escuro, passando pelo amarelo mais ou menos intenso,  mas a mais conhecida no Japão é a sakura somei yoshino, cerejeira branca com ligeira tonalidade de rosa e com cinco pétalas.

A floração da sakura é muito repentina e nunca ultrapassa as duas semanas. 

A flor da sakura -” prunus serrulata” é inodora.

 

É fácil confundir as flores da cerejeira com as flores da ameixeira e pessegueiro, mas há  diferenças:

- a flor da sakura possui um caule bem evidenciado e os bordos das pétalas fissurados, recortados;

- pelo contrários a flor do prunus não apresenta caule nenhum, apresenta-se quase sempre como “colada” ao ramo e os bordos são arredondados sem nenhum recorte.


 

Nota: a cerejeira do Japão ou prunus serrulata  produz pequenos frutos mas em quantidades menores que as outras cerejeiras.


 

A casca da cerejeira é lisa, normalmente cinzenta e apresenta ligeiras fendas ou listras horizontais, é uma árvore caduca e no outono as folhas apresentam um interessante espetáculo de cores.

 

A sakura é um prunus serrulata (cerejeira de flor). Na iberbonsai produzimos várias variedades de prunus serrulata e prunus incisa, igualmente muito bonita, não é uma sakura mas pode produzir flores em grande quantidade e durante várias semanas. 





 

O prunus serrulata é muito antigo na China e no Japão e foi a primeira cerejeira de flor importada da China para a Europa ainda no século XVIII


 

A poda da sakura é delicada, é difícil controlar a forma sem interferir na floração. É imperativo distinguir os gomos de flores dos gomos de folhas. A seguir à queda das folhas convém deixar os gomos de flor, geralmente por pares e diminuir os ramos maiores deixando pelo menos um gomo de folha, caso contrário o ramo pode morrer após a floração.


 

Cuidado com as doenças da sakura, como a “monilia fructigena” em primaveras mais frias e muito chuvosas. As extremidades dos brotos ficam acastanhados, secam e enrolam-se.

O” coryneum beijerinckii” com aparição de manchas vermelhas e pretas nas folhas. O pulgão preto também pode invadir o bonsai sakura, deformando os ramos e folhas e provocar a  sua queda, enfraquecendo a planta.

 

Existem produtos fitofarmacêuticos para solucionar situações desagradáveis, mas   para evitar utilizar ao máximo os produtos fitossanitários como insecticidas e fungicidas, é importante praticar e respeitar um método de cultivo muito rigoroso baseado no equilíbrio natural, com aplicação de adubo orgânico nos momentos específicos, regando apenas quando necessário e sempre de manhã para evitar doenças e enfermidades, impossibilitar a estagnação de água e protegendo do sol no verão para evitar queimaduras. Trabalhar sempre com ferramenta limpa, apanhar e deitar no lixo os restos de poda.

Transplante com akadama hard quality de 3 em 3 anos, um substrato de qualidade ajuda a reduzir a propagação de doenças.

Também é o nosso compromisso na iberbonsai para um futuro sustentável.



 

Pode-se multiplicar a sakura por estaquia semilenhosa em agosto, respeitando um ambiente húmido de pelo menos 80% durante o primeiro mês. As estacas devem estar protegidas do frio durante o inverno.

ver mais no nosso artigo como conseguir um bonsai a partir de estaca”.






 

No Japão todos os anos à lugar ao “hanani”, uma tradição ancestral onde as pessoas sentam-se no chão para beber chá e contemplar a natureza e as flores da sakura.

Diz o buddhismo que todas as coisas e todos os fenômenos sofrem  mudanças constantes daí a necessidade de não nos prendermos a eles.


 

a sakura - cerejeira japonesa - e o bonsai

A esplêndida e majestuosa floração e as suas folhas de tamanho médio permitem obter um bonsai de sakura digno e valioso, mais ainda se nascerem frutos.

 

Termos e Condições
A iberbonsai
Dicas e Conselhos
Catálogo
Siga-nos

Todos os valores incluem IVA à taxa em vigor

Copyright © IBERBONSAI.pt 2020

Desenvolvido por Optimeios

UA-144250790-1