metasequóia e taxodium
IBERBONSAI.pt ::
Contactos
Qtd:
0
Total:
€ 0,00
Carrinho de Compras
0
Carrinho de Compras

 

 

 

Home

PESQUISA AVANÇADA
metasequoia e taxodium em bonsai

Metasequóia Glyptostroboides em bonsai

e Taxodium Distichum

 

 

Ao contrário da sequóia que é nativa das regiões do norte da Califórnia e sul do Oregon, a metasequóia é nativa de uma região da China conhecida como Sichuan, uma província que abrange mais de 500.000 quilómetros quadrados ou seja um quinto do país. Uma grande parte do território é constituido por cadeias de montanhas de altitude superior a 3.000 metros. Atravessada pelo rio Yang-Tsé, esta região é conhecida pela sua terra fértil, o que lhe valeu o apelido de celeiro da China. Com os seus parques naturais excepcionais como Yading, Jiuzhagou ou Huanglong, são também locais religiosos importantes como o monte Emeishan, o Monte Quingchengshan ou o Grande Buda de Leshan.

É sobretudo, o país emblemático do Panda com a sua reserva dedicada à Bifengxia.

 

Esta é também a origem da pimenteira de Sichuan ou zanthoxyllum piperitum, uma pequena árvore espinhosa e muito aromática que, a partir de Setembro, nos oferece uma folhagem de belas cores outonais. As suas bagas são esféricas, vermelhas, comestíveis e contêm pequenas sementes pretas que são a pimenta.

 

Ler o artigo sobre o bonsai zanthoxyllum piperitum.

 

A metasequóia glyptostroboides é uma conífera

 

 

A Metasequóia glyptostroboides é uma árvore conífera, mas de folha caduca e de crescimento muito rápido, com um tronco recto e esguio. O tronco das árvores mais velhas torna-se nodoso e descasca-se em pequenas manchas. As agulhas são opostas, ao contrário das do Taxodium que são alternas. São pontiagudas, achatadas e não picam. No Outono, tornan-se castanhas e caem com os rebentos mais curtos. A metasequóia pode crescer até 35 metros de altura no seu estado natural, a sua casca é castanha avermelhada e torna-se cinzenta com a idade. Pode resistir a geadas até 25º centígrados negativos.

 

Curiosidade: a metasequóia era conhecida apenas como uma árvore fóssil até 1941, quando um guarda-florestal chinês a redescobriu no sudoeste da China. É agora cultivada e difundida em todo o mundo.

 

Poda:

Como a metasequóia é um bonsai de crescimento rápido e com uma forte dominância apical, temos de intervir para limitar o crescimento do topo por beliscões sucessivos. Quando a fase de crescimento tiver terminado, ou seja, quando decidirmos que a nossa árvore atingiu as dimensões desejadas, o topo e os ramos superiores devem ser beliscados o mais cedo possível no início da estação para impedir que cresçam, desequilibrando a silhueta do nosso bonsai.

 

A copa deve ser podada todos os anos no Inverno para evitar que cresça em demasia.

 

Aramação:

A metasequóia é fácil de aramar, pois a sua madeira é relativamente flexível, esta técnica é praticada no Inverno quando a nossa árvore já não tem folhas, facilitando assim esta operação. Mas cuidado, como a casca é muito fina, o arame pode deixar marcas, sempre desagradáveis, mas mesmo que não intervenhamos a tempo, elas desaparecerão relativamente depressa. Como precaução, podemos aplicar ráfia para proteger a casca.

 

Dica: é preferível trabalhar com o arame a fazer tensão para baixar os ramos, uma vez que esta é uma opção de segurança. Isto consiste em esticar um arame de alumínio anodizado do ramos que queremos baixar e prendê-lo à uma raiz ou directamente ao vaso e depois aplicar tensão gradualmente todas as semanas.

 

Ler o artigo sobre a aramação do bonsai.

 

Multiplicação do bonsai metasequóia por sementeira, estacas ou alporquia:

 

Metasequóia de Sichuan, propagação por sementeira, um grama contém cerca de 320 sementes, sementeira directa na Primavera sob protecção, estufa ou similar, com 15-20º centígrados.

A taxa de germinação é de 15% em condições favoráveis.

 

Por estaquia, as estacas verdes na Primavera são mais complicadas, mas com madeira madura mais tarde no final de Agosto ou início de Setembro, são mais fáceis de realizar.

 

Ler o artigo sobre a estaquia do bonsai.

 

Também é possível a multiplicação por alporquia na Primavera, escolhendo um ramo que oferece boas perpectivas para um futuro bonsai.

 

Ler o artigo sobre a alporquia do bonsai.

 

Quais são os principais estilos utilizados para a metasequóia em bonsai?

 

Estilo Chokkan, um estilo formal de bonsai, recto com um tronco bem definido que afunila até ao topo da árvore.

 

ou Yose-Ue, um estilo de bonsai que se parece com uma floresta.

 

Ler o artigo sobre os estilos de bonsai.

 

Como escolher o vaso para a metasequóia?

Para destacar a sua folhagem, preferimos um vaso castanho sem esmalte. Para as florestas, um vaso oval azul funciona muito bem.

 

Transplante:

 

O transplante do bonsai metasequóia deve ser feito mais cedo do que para outros bonsais, pois o forte crescimento das raízes enche rapidamente o vaso, o que significa que normalmente temos de realizar o transplante a cada dois anos e cortar muitas raízes.

 

Ler o artigo sobre o transplante do bonsai.

 

 

Taxodium Distichum ou cipreste careca em bonsai.

 

O taxodium é uma árvore da família Taxodiaceae, tal com criptomeria, glytostobus, metasequóia e sequóia.

 

O taxodium é o emblema da Luisiana e é uma grande conífera piramidal.

 

Chamamos-lhe cipreste careca porque, embora seja uma conífera, perde as suas folhas no Inverno. É nativo do sudeste dos Estados Unidos, em torno do Golfo do México, pode viver mais de 500 anos e atingir 50 metros de altura no seu país de origem.

 

Nota: existe um chamado taxodium mucronatum que é sempre verde ou seja é perene, é a árvore nacional do México, é o cipreste do pântano mexicano. Um exemplar único pode ser encontrado perto da igreja de Santa Maria de El Tule em Oaxaca no México, com um diâmetro de 14 metros e uma altura de 41 metros.

 

Esta árvore no seu estado natural vive à beira dos pântanos e pode viver tanto ao sol como em meia sombra, tolerando solos turfosos e inundados. As suas agulhas são muito curtas, normalmente com menos de 1 centímetro e caem todos os anos.

 

Curiosidade: esta árvore, no seu estado natural, desenvolve pneumatóforos, que são exuberâncias radiculares de algumas dezenas de centímetros que podem emergir do chão em solo húmido. São raízes respiratórias adaptadas à realização de trocas gasosas com o ambiente, principalmente nos solos encharcados e pobres em oxigénio.

 

Foi-lhe dado o nome de taxodium, de taxos em grego que significam teixo e eidos, referindo-se à sua forma e aparência.

 

Ler o artigo sobre o bonsai taxus ou teixo.

 

Nota: um fóssil com cerca de 8 milhões de anos, encontrado na Alemanha indica que esta conífera provavelmente povoou uma grande parte da Europa. Hoje em dia, os sujeitos naturais só se encontam nos Estados Unidos e no México em ambientes quentes e húmidos. Um exemplo é o Parque Nacional Everglades na Florida com as suas fantásticas florestas de ciprestes carecas.

 

As suas folhas são planas, alternas e notavelmente verde-claro na Primavera e Verão, mas tornam-se ainda mais espectaculares no Outono, quando toda a árvore fica ruiva, antes das agulhas caírem ao chão.

 

O taxodium tem qualidades comparáveis ao pinheiro silvestre, pelo que é de grande interesse na silvicultua e tem a vantagem de ser muito resistente à humidade. A sua madeira é de muito boa qualidade e é utilizada em carpintaria e construção civil.

 

A resina do taxodium tem qualidades medicinais.

 

Multiplicação do bonsai taxodium distichum por sementeira. Um grama contém cerca de 10 sementes, taxa de sucesso de 15% em condições favoráveis. estratificação a frio a 3-5º centígrados durante 3 meses e sementeira na Primavera quando a temperatura começa a subir.

 

Ler o artigo sobre a sementeira do bonsai.

Como reconhecer a metasequóia glyptostroboides

Dica: para reconhecer uma metasequóia de um taxodium, basta comparar as suas folhas: a metasequóia tem folhas opostas enquanto o taxodium tem folhas alternas.

 

 

 

 

 

Termos e Condições
A iberbonsai
Dicas e Conselhos
Catálogo
Siga-nos

Todos os valores incluem IVA à taxa em vigor

Copyright © IBERBONSAI.pt 2022

Desenvolvido por Optimeios

UA-144250790-1 UA-144250790-1