IBERBONSAI.pt ::
Contactos
Qtd:
0
Total:
€ 0,00
0
Carrinho de Compras

 

 

 

Home

PESQUISA AVANÇADA
iberbonsai-prunus-incisa-


 




 

Bonsai prunus incisa

 

O bonsai prunus incisa provém de uma cerejeira japonesa que cresce naturalmente no monte Fuji no Japão. 

Na natureza é uma árvore de pequeno porte, de crescimento muito lento e com pouco desenvolvimento radicular, mas com uma floração espetacular e a sua folhagem com pequenas folhas de 3 a 5 cm de comprimento, finas e profundamente dentadas, verde claro no verão com tonalidades de vermelho alaranjado no outono.

 

A flor do bonsai prunus incisa não apresenta caule.

As flores, de 2 a 3 cm de diâmetro, aparecem antes das folhas e ao contrário da sakura,

( prunus serrulata), a flor do prunus incisa não apresenta nenhum caule, apresenta-se quase sempre como “colada” ao ramo e os bordos são arredondados sem nenhum recorte.

 

A seguir nasce o fruto que é parecido com uma pequena cereja.

 

Na iberbonsai produzimos algumas variedades nos nossos viveiros como por exemplo prunus incisa Kojo no mai e prunus incisa Mikinori, a partir de estacas semilenhosas, que apresentam certas características significativas, tanto na beleza das suas flores como no porte em geral e suas ramificações interessantes em bonsai.

prunus incisa mikinori com 2 anos - iberbonsai -

 

A estaca semilenhosa,  é a estaca de mais fácil elaboração e a mais habitual no mundo hortícola e nos bonsais também, aplica-se a muitas espécies perenes e coníferas. 

Recolha das estacas no fim do verão e no início do outono com madeira já amadurecida.

Consiste en recolher ramos com uma parte amadurecida e outra mais tenra  e ainda verde na extremidade, em regra geral em agosto até meados de setembro.

 

Cortar um ramo  de 10 a 15 cm de comprimento, sempre abaixo de um nó, única zona onde podem nascer as futuras raízes. Tirar os galhos laterais e tirar também a quase totalidade das folhas, deixando apenas as 2 ou 3 últimas folhas, o objectivo é preservar as reservas nessas últimas folhas, que por outro lado não podem ser muito grandes para não desperdiçarem a água pela evaporação (transpiração).

 

As estacas serão de seguida enterradas até metade da altura num substrato muito leve, apertando bem em volta para não deixar ar junto ao ramo, o que provocaria a secura impedindo o nascimento de novas raízes.

 

Manter num ambiente húmido tipo nevoeiro até começar a ganhar as primeiras raízes, depois passar a regar  com micro aspersores.

 

ler mais sobre estaquia de bonsais

 

Prunus incisa kojo no mai - Cerejeira japonesa - a mais pequena das cerejeiras de flor, com a sua ramificação em zig zag, entre-nós muito curtos de 1 a 2 cm. Porte pequeno, folha caduca de cor verde, passando a vermelho alaranjado com tonalidades de amarelo no outono. Ramos tortuosos- Gomos cor  rosa muito leve, pequenas flores brancas que podem cobrir por completo os ramos- magnífico em bonsai- 

 

Prunus incisa mikinori - Cerejeira japonesa -  floração cor de rosa no início passando a branca com o tempo. Produz pequenas cerejas pretas não comestíveis. Folhagem verde ficando avermelhado no outono.


 

As pequenas cerejas do prunus incisa contém sementes que podem germinar após um período de três meses de estratificação fria.

A Estratificação consiste em guardar as sementes num meio específico, num local quente ou frio dependente das espécies.

 Algumas espécies necessitam de uma Estratificação quente para amadurecer o embrião da semente.

 A Estratificação a frio ajuda a semente a sair do período de “dormência” fragilizando o caroço, que fica mais quebradiço.

Ler mais sobre a sementeira de bonsais

 

Não esquecer igualmente o prunus triloba (amendoeira de flor), originário da China, é um dos primeiros bonsais a florescer no início da primavera. Flores dobradas de cor rosa claro.

O prunus avium (cerejeira brava), as pequenas flores brancas, em cacho, aparecem no início da primavera, antes das folhas. Produzemm pequeno fruto (cereja), vermelho no início passando a preto quando maduro, particularmente apreciado pelos pássaros.

 

O prunus mume, magnífico em bonsai e o primeiro a florescer.

 

 

bonsai prunus mume com flores - iberbonsai - fevereiro 2012

 

O bonsai prunus mume tem uma particularidade: adapta-se às condições climatéricas do inverno.Quer isso dizer que os brotos das flores têm um período de dormência variável,  mesmo que haja um período de frio muito intenso e que danifique as primeiras flores, ficam os brotos dormentes que sucedem a estes.

 

Qualquer bonsai de prunus incisa requer alguma atenção particular em relação à rega. 

As raízes do prunus são muito sensíveis ao excesso de humidade, portanto a primeira coisa a fazer é utilizar um substrato muito drenante e de qualidade como a akadama hard quality por exemplo, assim poderá evitar situações mais penosas no futuro. 

O torrão do prunus não pode ficar encharcado durante muito tempo..

Termos e Condições
A iberbonsai
Dicas e Conselhos
Catálogo
Siga-nos

Todos os valores incluem IVA à taxa em vigor

Copyright © IBERBONSAI.pt 2020

Desenvolvido por Optimeios

UA-144250790-1